desafio de costura histórica

Inverno: inspirações para o Desafio de Costura Histórica de julho

Inverno é o tema do Desafio de Costura Histórica de julho. Mas isso não significa que você precisa fazer uma peça mega pesada e impossível de usar em terras brasileiras. 

Como a Modista do Desterro explica em seu post sobre os temas do desafio

“Sabe aquela peça quentinha que você sempre quis e que provavelmente dá pra usar até no dia-a-dia. Esse é o desafio para você produzir uma peça de inverno. Não precisa ser inverno europeu: pense em algo que seria adaptado à temperatura de inverno da sua região.”

Ou seja, o tema deste mês é perfeito para fazer blusas, capas, calças e saias históricas. Além de peças de tricô e muito mais…

Mas se você preferir escolher o lado medieval da força, eu apresento a seguir algumas inspirações de itens do vestuário medieval que podem virar o seu projeto de julho do desafio de costura histórica. 

Meias (hose)

Vou começar pelo que vai ser o meu projeto: meias. Embora sejam usadas o ano todo – dependendo do calçado -, meias têm muita cara de inverno. 

No caso da Idade Média, as meias eram feitas geralmente de lã, bem ajustadas ao corpo e presas com uma faixa de tecido, couro ou tablet weaving, como uma jarreteira. 

Você pode conferir alguns tutoriais aqui:

Capas e mantos

Quando falamos em roupas medievais usadas para se proteger do frio e das intempéries logo pensamos nas capas!

Feitas majoritariamente de lã, as capas variavam em formato, comprimento e estilo de fecho, mas estão presentes ao longo de todo o período medieval. 

Os mantos, por sua vez, são semelhantes às capas em sua construção. Mas, mais do que a função de proteção, os mantos eram peças decorativas e cerimoniais, comumente associadas à realeza ou ao clero.

Os livros The Medieval Tailor’s Assistant e História do Vestuário trazem instruções de como fazer capas e mantos. 

Gardecorps

Semelhante a uma capa, o gardecorp é uma vestimenta ampla com uma abertura no ponto em que a manga se junta ao corpo ou próxima ao cotovelo que possibilita a saída dos braços.

Vistos especialmente em imagens do final do século 13, os gardecorps variavam no comprimento e amplitude das mangas, e também no comprimento da peça.

Capuzes (hoods)

Bastante populares ao longo da Idade Média, os capuzes também cumpriam a função de proteger do frio, da chuva e do vento e são uma boa opção para o desafio de julho. 

Com uma enorme variação de estilos, os capuzes eram usados por diferentes classes sociais – o que diferenciava eram os ornamentos, corte, cor e qualidade do tecido.

No caso das mulheres, além dos modelos fechados, chamam a atenção ainda os capuzes com botões, e os modelos mais curtos e abertos do século 15.

Tutoriais:

Além desses itens, você também pode aproveitar o desafio deste mês para fazer surcotes, sobrevestes, vestidos mais pesados e outras peças que podem tanto compor um traje medieval quanto ser adaptadas para o dia a dia. 

Participe do #DCHBR2021

Ainda está com dúvidas sobre o desafio desse mês? Não hesite em entrar em contato comigo aqui pelos comentários do blog, ou pelas redes sociais da Merlim Crafts. Eu terei o maior prazer em te ajudar! 

E na hora de postar o seu projeto não esqueça de usar as hashtags #DCHBR2021 e #DCH2021JULHO

Veja todos os temas do Desafio de Costura Histórica 2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s